Novos empréstimos à habitação aumentam mais de 50% em Outubro

2017-12-12

Dados do Banco de Portugal, divulgados esta terça-feira indicam que, em outubro, os bancos emprestaram às famílias 706 milhões de euros para comprar casa. É um valor abaixo do registado em setembro, mas que representa um aumento de 54,8% em relação a outubro de 2016

A banca em Portugal continua a abrir os cordões à bolsa nos créditos às famílias, tanto para comprar casa como para consumo, indicam os dados revelados esta terça-feira pelo Banco de Portugal.

Em outubro, os novos empréstimos à habitação atingiram 706 milhões de euros, um valor que fica abaixo dos 739 milhões de euros registados em setembro, mas que representa um aumento de 54,8% em termos homólogos, isto é, em relação a outubro de 2016.

Há três meses consecutivos que o volume mensal de novos empréstimos às famílias para comprar casa está acima dos 700 milhões de euros, um patamar habitual em Portugal antes da chegada da troika, mas que, até este ano, não era visto desde então.

Quanto ao crédito ao consumo, os novos empréstimos às famílias totalizaram 390 milhões de euros em outubro, bem acima dos 348 milhões registados em setembro e crescendo 20,7% em termos homólogos. Mais uma vez, este é um patamar que, até este ano, não era visto em Portugal desde antes do resgate internacional ao país.

Em sentido inverso, o crédito às empresas recuou 10,4% em outubro em termos homólogos, para 2181 milhões de euros. Mesmo assim, este valor representa uma recuperação face aos 2121 milhões de euros concedidos pela banca às empresas em Setembro.

http://expresso.sapo.pt/economia/

Novos empréstimos à habitação aumentam mais de 50% em Outubro | Pratik Shoes